22 setembro 2006

AS APRESENTAÇÕES.

Bem, às vezes a vida prega-nos partidas. Quando ouvimos falar em crianças/jovens com necessidades educativas especiais, pensamos que, à partida, esses jovens não nos vêm parar às mãos. Mas, nem sempre é como nós queremos, certo?
Bom, de resto foi o relembrar do 'Stora', 'Sotora' . . . É engraçado como ainda achamos que 'stora' nunca é para nós... É estranho, mas engraçado, ao mesmo tempo!
Não me alongo mais, nem massacro mais o(a) caro(a) leitor(a).
Bom trabalho e até breve.

2 comentários:

Ana Sêco disse...

Sim, é muito estranho. O "Sotora" é um clássico na boca das auxiliares da escola. Ouvir os professores dizerem "colega" quando se dirigem a nós também não é melhor. Claro que a cereja no topo do bolo é quando alguém nos trata por "Doutora".
É pena que, para sermos alguém neste país de brandos costumes, temos que nos tornar pedantes!

Bárbara Quaresma disse...

Noto uma certa ansiedade em todas vós, o que não deixa de ser normal... Só me resta dizer-vos para viverem ao máximo este ano, porque o contacto com os alunos é das melhores coisas que pode existir... Pior é para o ano, já sem alunos...
Beijinhos de felicidades para todas...